Quais são os hábitos e atitudes de um bom vendedor?

Vender é uma arte, e a dominar é para poucos. Se você ingressou na carreira comercial, em uma empresa ou de forma autônoma, precisa desenvolver algumas habilidades para conseguir conquistar e impressionar seus clientes.

Independentemente do segmento, estar sempre antenado às novidades e ficar de olho nas tendências já lhe garante uma grande vantagem, pois os clientes saberão que podem confiar na sua opinião, não só como vendedor, mas como especialista. Essas e outras atitudes de um bom vendedor são o que fazem a diferença em sua performance.

Quer saber mais sobre como virar um ímã de novos clientes e fidelizar os que você já tem? Fique ligado nas dicas deste artigo! 

Escutar e entender o cliente

Você já se sentiu extremamente frustrado por entrar em uma loja querendo um produto específico e precisar se esquivar de um vendedor inconveniente que quer fazer você comprar qualquer outra coisa? Provavelmente sim. Esse hábito é comum, mas muito nocivo para as vendas.

Ouça o cliente com atenção e entenda suas necessidades. Mesmo se ele não souber exatamente o que está procurando, ele entende do que precisa. E cabe a você oferecer a solução que cairá como uma luva para as necessidades dele.

Ser organizado

Essa organização precisa perpassar todos os aspectos da sua vida. Um bom vendedor organiza bem seu tempo, para não correr o risco de se atrasar para reuniões importantes, ou ficar com janelas ociosas.

Ele também mantém todos os seus materiais de trabalho — pastas, dossiês, mostruários etc — limpos, desamassados e guardados em locais de fácil acesso, do qual ele se lembrará rapidamente.

Encontrar soluções de forma rápida

A internet mudou tudo nas nossas vidas, até — ou principalmente — a forma como compramos. Ela também mudou nossa relação com o tempo, o que significa que todas as decisões são tomadas de forma mais rápida.

Para se encaixar nesse modelo, o bom vendedor sempre tem as melhores soluções para seus clientes na ponta da língua. E, quando não tem, ele faz uma busca eficiente e encontra em um curto espaço de tempo o tipo de produto perfeito para atender às necessidades do consumidor.

Caprichar na gentileza e na educação

Essa dica é básica, mas não custa lembrar: mau-humor, arrogância e falta de paciência são inimigos mortais de um bom vendedor. Portanto, leve sempre um sorriso no rosto, seja gentil e educado com seus clientes. Eles merecem!

Ser sincero e honesto

Falar uma mentirinha, ou exagerar nos atributos de um produto pode até garantir uma venda agora. Mas tenha certeza: vai eliminar a possibilidade de você fechar outros negócios no futuro.

O cliente que se sente enganado ou prejudicado em uma compra não só deixa de recorrer a você em ocasiões futuras como também não o indica para seus familiares e amigos. Assim, seja sempre honesto sobre os produtos que você representa e de que forma eles podem solucionar o problema do cliente.

Cuidar da aparência

Você não precisa ser um galã de novela, ou uma top model, para ser um bom vendedor. Mas cuidar da aparência é um ponto importante. Ter os cabelos bem cortados e penteados, barba feita, roupas alinhadas e adequadas à situação inspira respeito.

Além disso, esse cuidado consigo mesmo demonstra que você leva seu trabalho a sério e que tem consideração pelo cliente.

Como você pôde perceber, as atitudes de um bom vendedor estão todas relacionadas à construção de uma relação de confiança. Mais do que vender, você quer ser considerado por seu cliente como um consultor, alguém a quem ele sabe que pode recorrer em caso de dúvidas e em busca de uma opinião qualificada.

Se você curtiu nossas dicas, pode ter acesso a muitos outros conteúdos em nossa página no Facebook. Curta-a e fique por dentro de todas as novidades que postamos por lá! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This